Papo Literário | Já vi esta capa antes...

Oi galera, tudo bem?


Acho que pela primeira vez eu tinha vááários temas legais para tratar na coluna desta semana. Um era para ter saído na semana passada, mas, como vocês sabem, ainda não consegui fazer o tempo se multiplicar (se você tiver a fórmula, me avisa, tô precisando). 

Muita gente curte ler, mas, na grande maioria das vezes, a galera está 100% por fora de todo o processo que envolve um livro. Prova disso é reclamar que a capa de um livro é a mesma que a capa do outro livro. A polêmica que envolve as novas capas que foram postas para votação pela editora Arqueiro já é antiga.

 Uns reclamam que é a mesma capa de uma autora nacional. A autora também fala que a foto já está em uso... O que acontece, basicamente é o seguinte: existem bancos de imagens na internet onde você pode pegar a capa, dependendo do caso, pode modificar a imagem e, assim, colocá-la em circulação. Nestes bancos de imagem, você paga certa quantia pelo uso da foto e está tudo resolvido. Porém, você compra o direito de reproduzir a imagem e não a exclusividade da mesma. Por isso, existem várias capas parecidas no mercado e isso vai continuar acontecendo. Aceitem. Exceto, é claro, que você pague pelo direito exclusivo da imagem. Neste caso, ela será somente sua. 

É ruim ter capa “repetida”? Depende. Claro que uma capa bem parecida pode até confundir os leitores na loja, Mas, muitas vezes as capas são bem trapalhadas pelo designer e você não sente essa “repetição”. Mas se você não quer correr o risco de ter outro livro parecido com o seu, meu conselho é: busque um profissional que faça algo exclusivo. Essa mesma polêmica se repetiu com a imagem que compõe a nova capa do livro da Danielle Steel, da Record. 

Gente, as editoras lançam muitos livros por mês. Nem sempre é possível utilizar a capa gringa (aliás, isso é outra polêmica que muita gente não entende, mas vou falar sobre mais para frente). E para suprir a demanda, nem sempre a equipe de design consegue fazer coisas exclusivas para todos os livros. Por isso são usadas imagens de bancos de dados. Isso é a coisa mais normal que existe.

É bem difícil conhecer todas as capas de livro para saber qual imagem não foi utilizada.  Por isso separei algumas capas que usam as mesmas ilustrações para vocês verem como funciona:











3 comentários:

  1. Capas iguais são bem chatas mesmo, principalmente se for de um livro que gosto mundo.
    Pra mim ele é único.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Diva!! Tudo bem?
    Às sextas estou fazendo um laboratório muito legal que está me ensinando a primeira coisa mais útil e necessária pra profissão que você já sabe qual é, é o laboratório de editoração eletrônica. Eita.. toda sexta vem um papo sobre essas polêmicas. Já vi que será uma vida complexa de trabalho, cheia de cuidados. kkkkkkkkk.. mas o amor supera.
    Acho que deve ser bem difícil para quem produz a capa ter um controle sobre isso... Entendo totalmente.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Aconteceu comigo de usar o mesmo modelo da capa de outra autora nacional (mas em poses diferentes). Deu briga, reclamaram... mas trabalhei a imagem e nem é do mesmo gênero. O problema é que as pessoas não entendem que e desejam algo exclusivo contratem modelos, fotógrafos e pronto, não correrá o risco de seu modelo combinar também com o livro de outro colega ou editoras. Já vi até briga por causa de fonte! Atitudes assim vem de pessoas que não compreendem o Mercado Literário, infelizmente.
    E só esclarecendo: não escolhi o mesmo modelo de propósito kkkk.
    Beijão, adorei o post!
    Fala sobre títulos iguais em algum outro! Já vi bastante mimimi sobre isso também.
    Mari Scotti

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!
Mas antes de comentar, lembre-se de que esse post foi feito
com muito carinho, então, se vai comentar
"oi, fiz postagem nova, me visita" ou fazer um comentário
apenas de divulgação, este não será aceito.
Obrigada pela compreensão!
Já está seguindo o blog no Google Friends? Então não perca tempo!