Blogagem coletiva | Profundo & Intenso


Hoje o Por Uma Boa Leitura entra na ação idealizada pela editora Arqueiro para falar de Profundo & Intenso. Os blogs parceiros foram convocados para a Blogagem Coletiva com o objetivo de alertar sobre o chamado Revenge Porn, ou sejapornografia de vingança, uma expressão que remete ao ato de expor na internet fotos e/ou vídeos íntimos de terceiros sem o consentimento dos mesmos, geralmente contendo cenas de sexo explícito que mesmo quando gravadas de forma consentida, não tinham a intenção de divulgá-las publicamente. Com certeza você já viu por ai casos de revenge porn , certo? Famosos, não famosos, talvez até com amigos. O ato caracteriza-se quando uma das partes divulga as cenas íntimas na internet como forma de "vingar-se" da pessoa com quem se relacionou.

Profundo e Intenso são lançamentos de março da Editora Arqueiro e contam a história de Caroline Piasecki. A jovem vê sua vida se transformar em um pesadelo quando o ex-namorado espalha fotos dela nua na internet. Triste, né? Desesperada, ela tenta fazer com que as imagens sumam da rede e, ao mesmo tempo, tem que se defender da multidão de pessoas que a julgam. Afinal, a culpa é do namorado que divulgou as fotos ou dela que, em algum momento, quis posar para ele daquela forma? Um dia, quando um cara que Caroline mal conhece sai em sua defesa, tudo muda de repente.



No Brasil, não temos nenhuma lei expressa que condene tão prática, mas há algumas jurisprudências baseadas nos artigos 186 e 927, do Código Civil em face da violação a imagem e privacidade da vítima, previsto no artigo 5º, inciso X, da Constituição Federal.

Além disso, há a Lei 12.737/12 - Lei Carolina Dieckmann, que todo mundo deve conhecer, ou pelo menos, deve ter ouvido falar,  que criminaliza a invasão de dispositivo informático alheio


Os delitos previstos na Lei Carolina Dieckmann são:


1) Art. 154-A - Invasão de dispositivo informático alheio, conectado ou não à rede de computadores, mediante violação indevida de mecanismo de segurança e com o fim de obter, adulterar ou destruir dados ou informações sem autorização expressa ou tácita do titular do dispositivo ou instalar vulnerabilidades para obter vantagem ilícita. Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, e multa.

2) Art. 266 - Interrupção ou perturbação de serviço telegráfico, telefônico, informático, telemático ou de informação de utilidade pública - Pena - detenção, de um a três anos, e multa.

3) Art. 298 - Falsificação de documento particular/cartão - Pena - reclusão, de um a cinco anos, e multa.

-- O senador Romário apresentou em outubro de 2013 um projeto de lei que transforma em crime a divulgação indevida de material íntimo.

As Vítimas de crimes cibernéticos no Brasil também têm encontrado amparo na lei 12.965/14 - o Marco Civil da Internet, que em seu artigo 21 determina "responsabilidade civil solidária" dos provedores que ao serem notificados a excluir determinado material, não o fazem, o que acelera o processo de retirada do material da internet.

A autora do livro deixa um recado para todos os leitores e peço que prestem muita atenção







































Os livros já estão a venda! Quem ler passa aqui para comentar o que achou!


4 comentários:

  1. Isso é um absurdo se vingar da pessoa expondo-a a esse tipo de constrangimento e sem falar que isso afeta a pessoa e sua reputação. O livro trata de um assunto importante que acontece na vida real com famosos ou não.

    ResponderExcluir
  2. Oi Kel,

    apesar da história não ser muito do estilo que estou procurando para ler, os livros me chamaram bastante atenção. Vingança pornô é um tema delicado, mas de extrema importância e que precisa ser debatido. Bem legal a autora ter colocado o tema em seus livros, isso ajuda a abrir a cabeça das pessoas e as fazerem perceber o quanto isso é errado e pode até destruir a vida de uma pessoa.

    Beijos!
    Participe do Sorteio Mês das Mulheres, são 10 livros e muitos marcadores
    http://www.mademoisellelovesbooks.com/

    ResponderExcluir
  3. Poxa muito pertinente o tema do livro, e já são dois!!!!
    Não conhecia a autora.
    É muito revoltante, Deus me livre, nem consigo imaginar o que uma vítima pode sentir.
    Tantos casos de suicídio, nossa muito triste.

    http://rascunhosehistorias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi flor,
    Que postagem bacana, achei interessante esse livro e quero muito ler também. Como dizem a Internet é uma terra sem leis infelizmente, ainda que estão encontrando amparos em algumas pelo que você indicou. De qualquer forma aconselho as pessoas a guardarem suas vidas privadas somente para si, porque sabe como dizem “caiu na rede é peixe”.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!
Mas antes de comentar, lembre-se de que esse post foi feito
com muito carinho, então, se vai comentar
"oi, fiz postagem nova, me visita" ou fazer um comentário
apenas de divulgação, este não será aceito.
Obrigada pela compreensão!
Já está seguindo o blog no Google Friends? Então não perca tempo!