25 setembro 2015

# Resenha 278 // Três semanas com o meu irmão

Ei, galera, tudo bem?

Como foi a semana de vocês? Para fechar com chave de ouro, hoje tem resenha daquele autor que eu sou até suspeita para falar: Nicholas Sparks.

Título: Três semanas com o meu irmão
Autor: Nicholas Sparks e Micah Sparks
Editora: Arqueiro
Páginas: 320
Livro cedido em parceria com a editora


Sinopse: Três semanas com meu irmão é um relato pessoal do autor escrito em parceria com seu irmão mais velho, Micah Sparks. Em janeiro de 2003, Nicholas Sparks e seu irmão mais velho, Micah, partiram numa viagem de três semanas ao redor do mundo. Das ruínas da Guatemala aos passeios de trenó na Noruega, passando pelo Taj Mahal, na Índia, e pelos templos do Camboja, os dois mergulharam numa jornada que fortaleceria os laços dos únicos sobreviventes da família Sparks. Com prazos apertados para publicar seus livros e sem muita inspiração para escrevê-los, Nicholas pensou que aquela seria uma ótima oportunidade para relaxar e se aproximar mais do irmão, a quem quase não via por conta da distância que os separava. O relato inclui não só o dia a dia de Nicholas e Micah nessa aventura exótica como também a emocionante história do bem-sucedido autor de romances como O melhor de mim, Uma longa jornada e O casamento. Com humor e sensibilidade, os irmãos Sparks abrem sua vida, revelam suas origens e compartilham verdades surpreendentes sobre perda, amor e esperança. 


E lá vai Raquel fazer jus a sua cota anual de Nicholas Sparks e resolve ler Três semanas com o meu irmão. O livro é basicamente uma biografia do Nicholas Sparks intercalada com a narrativa dele de como foi dar a volta ao mundo com o seu irmão mais velho, Micah. O Nicholas o convida para esta pequena aventura de três semanas, como uma forma deles se reaproximarem e recordarem os velhos tempos em que eram bem ligados. Claro que passar 24 horas por dia por quase um mês com o seu irmão faz com que memórias antigas, boas e não tão boas, voltam a tona e o livro intercala passado e presente.

Sou viciada em Nicholas Sparks e, como fã, uma enorme defensora de suas obras. Ler Três semanas com o meu irmão é um convite para olhar dentro da fechadura da família Sparks, é conhecer a vida de uma família de classe média sob a perspectiva do irmão do meio. É saber como o Nicholas chegou a ser um grande best seller – e ainda se surpreender ao descobrir que ele começou escrevendo livros de suspense (???). 

É engraçado porque o livro intercala momentos de descoberta e encantos ao narrar tão detalhadamente cada lugar por onde Nicholas e Micah passaram e ao mesmo tempo incorpora uma temática mais séria e mais densa ao falar da família do Nicholas, do seu relacionamento com os pais, os “complexos de irmão do meio” (que para mim são os mesmos que eu sinto como “irmã mais velha”) e por ai vai.






















O que eu posso dizer é que o Nicholas é um romântico nato e o livro só reafirma isso. Conhecê-lo melhor é poder reviver cada uma das experiências que eu tive ao ler suas obras com o bônus de, agora, entende-lo ainda melhor. Dos ruinas históricas de Machu Pichu até a cultura oriental da Índia e do Camboja, embarquei de cabeça nesta aventura que também é drama. 

O livro é sensível e faz com que o leitor faça parte desta família, ainda que apenas pelo tempo da leitura. Objetivo, singelo, edificante. Não tenho palavras para descrever Nicholas Sparks nessa parceria única com o seu irmão. 

A edição da Arqueiro está linda e o livro ainda tem algumas fotos no interior. Amei. Super caprichado.




16 comentários

  1. Não tinha ideia de que se tratava de um livro de memórias. Particularmente, não sou fã do tio Nick, mas gosto da sensação de conhecermos mais sobre os autores dos quais gostamos. Beijos, Mi

    Blog Recanto da Mi

    ResponderExcluir
  2. Tenho muita vontade de ler esse livro, descobrir um pouco mais do autor e de sua vida desperta minha curiosidade.
    A relação de irmãos pode sempre ser conturbada, com suas boas e más memórias e ver isso na vida de um autor é algo interessante. Mesmo ele sendo humano e como tal ter tido uma vida com problemas cotidianos como nós, as vezes tenho a impressão que acabamos esquecendo isso se tratando dos autores. Normalmente, não costumamos olha-los como pessoas com seus dramas pessoais e familiares. Ao menos, não ocorre comigo.
    Mas sério mesmo que sua jornada de escritor começou com livros de suspense? Estou tentando imaginar isso e soa não só irreal, como uma pegadinha da sua parte, Kel. Nicholas Sparks escrevendo suspense é coisa de realidade paralela.
    A edição da Arqueiro parece estar mesmo linda, a capa pelos menos já me conquistou.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Sou suspeita para falar do Nicholas.. sou fã demais! Eu também li, assim que lançou. O livro é lindo demais, não sabia que ele tinha passado por uma infância tão difícil. Ser irmão do meio não é fácil, mas não sei como é, sou a mais velha hahaha O livro é incrível mesmo, dá duas voltas ao mundo: uma ao mundo que Sparks conheceu com o irmão e outra que ele viveu com sua família.

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Estou louca para ler Três Semanas Com o Meu Irmão! Pelo que eu vi ele viajou com o irmão em uma época que estava com bloqueio para escrever. Logo o Nicholas Sparks que lança livro o tempo todo...
    Esse cara é incrível e quero logo poder conhecer mais afundo sua história.
    Beijos de Luuz!

    ResponderExcluir
  5. Oi Kel, tudo bem? Toda vez que tento ler alguma coisa do Nicholas não consigo sair da décima primeira página. Hahahaha Sou apaixonada pelos filmes e até hoje não consegui completar alguma leitura de um livro dele. Não sei se isso vai acontecer um dia e quando acontecer vou me considerar uma campeã. Legal a ideia de transcrever as aventuras com o irmão, além de reviver as lembranças ele quis compartilhar e achei isso muito legal. E aí Kel? Me dá uma dica de fã. Como eu vou conseguir ler o Sr. Sparks? kkkkkkk Bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Já tinha visto o livro, porém não sabia como era a história.
    Li alguns livros do Nicholas Sparks, alguns gostei outros não. Meu favorito é Querido John.
    O livro Três semanas com meu irmão pareceu ser bem legal, pois por meio dele conhecemos um pouco mais do autor, sua família e sua vida. Fiquei interessada em ler.
    Achei a capa bem bonita!

    ResponderExcluir
  7. Kel, assim como você, tenho uma amiga que adora os livros do Nicholas Sparks. E essa semana, inclusive, ela começou a ler esse livro e diz estar amando.
    Eu gostei desse livro (ainda não li), mas gostei quando vi o lançamento justamente por isso, por ser quase que uma biografia do autor. Ultimamente estou lendo mais biografias, atualmente, do Drummond. Eu gosto dos livros do Nicholas também e acho que seria bacana ler esse.
    Beijão - Blog Historiar

    ResponderExcluir
  8. com este livro conheci o nicholas mais homem, mais real, mais humanizado tirou um pouco o estigma de homem de sucesso sem sofrimentos
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Assim como você sou fã de Nicholas Sparks e com certeza consegui ficar maravilhada pela historia, não só pelo que você descreveu na resenha, como poderei conhecer através do livro, mais a realidade junto ao irmão e a oportunidade que tiveram de se reconciliar. Afinal, sempre queremos conhecer mais sobre os escritores que amamos e admiramos, não é mesmo?
    Esse vai para minha lista de desejados e espero lê-lo em breve.
    Abçs Kel!!

    ResponderExcluir
  10. Que livro que você lê que não entra na minha lista, suas resenhas são incríveis <3 Mas vamos combinar tem como não se apaixonar por algum livro do Nicholas, fiquei boba aqui como assim livros de suspense rsrsrsr não da nem para imaginar. O livro parece ser incrível, conhecer mais da vida do Nicholas e sensacional. Como sempre ja entrou na minha lista.
    http://chanoinverno.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Achei bem interessante o livro contar a história do Nicholas e do irmão dele, o livro deve ser tipo uma biografia dele mesmo...
    Mas eu confesso que não sou muito fã dos livros do Nicholas Sparks, então esse eu passo :/

    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Saudações Lady Kel,
    Eu conheço só uma obra do autor, acredita que me afastei um pouco pela quantidade interminável de lágrimas que o livro rendeu?
    Mas acredito que esteja na hora de conhecê-lo mais profundamente, e talvez recomeçar por um livro que conta mais sobre ele próprio seja ideal!


    Venha visitar o Castelo
    Att
    Ana P. Maia ♛

    The Queens Castle

    A Lição de Anatomia do Temível Dr. Louison

    A Chave do Mundo –Livro I: As Torres de Phart Halor

    Tudo que você queria saber sobre Mitologia

    ResponderExcluir
  13. Oi Kel,
    gosto dos livros do autor e estou bem curiosa para ler este! desde que vi os primeiros comentários sobre ele já fiquei desejando... hehe
    adoro livros que tratam de viagens assim, e por este ser no Nick, não tem como deixar passar né?! *-*
    não sabia que ele tinha fotos também, que legal!
    amei essa capa ;~~

    ResponderExcluir
  14. Vi esse livro na Livraria Cultura e me coçei muito para não comprar! Eu amo o Sparks e esse livro deve ser mesmo muito incrível!!

    Beijos
    www.serleitora.com.br

    ResponderExcluir
  15. Ainda não li nada do Sparks, mas estou empolgada por esse depois de tantos comentários que já vi. Acho bacana conhecer um pouco mais dos autores que leio e quero ler, então esse está nos meus desejados. Deve ser incrível conhecê-lo também pelo ponto de vista do irmão. Parece uma ótima obra.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Só li um livro do autor até agora e não achei lá essas coisas. Preciso ler outro para saber se vou gostar. Achei bem interessante esse livro, a ideia de passar um tempo com o irmão e poder relembrar velhos tempos e se conhecer melhor. Não sabia que ele começou com suspense, adoro livros assim.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!
Mas antes de comentar, lembre-se de que esse post foi feito
com muito carinho, então, se vai comentar
"oi, fiz postagem nova, me visita" ou fazer um comentário
apenas de divulgação, este não será aceito.
Obrigada pela compreensão!
Já está seguindo o blog no Google Friends? Então não perca tempo!