# Resenha 212 // Eu Só Queria Ser Uma Mulher Normal

Oiee pessoal, tudo bem?

Chega de resenha de livros tensos por aqui, né? Huahauhaua Vou deixar vocês respirarem um pouco com a minha opinião sobre um livro despretensioso e rapidinho de ser lido. Quem ai nunca quis ser uma pessoa "normal"?

Título: Eu Só Queria Ser Uma Mulher Normal
Editora: Benvirá
Autor: Debora Rubin
Páginas: 136
Livro cedido em parceria com a editora






Sinopse: Ao completar trinta anos, Cecília percebe que sua vida está bem longe de ser tudo o que imaginava que seria. Separada, desempregada, morando com a mãe e sofrendo por uma paixão não correspondida, ela começa a acreditar que, definitivamente, não é uma mulher normal. À procura de uma justificativa para este carma que a persegue, Cecília faz uma viagem à cidade natal da mãe para descobrir mais sobre as histórias de amor das mulheres de sua família, e acaba convencida de que, inegavelmente, a anormalidade está em seu DNA. É em meio a uma avalanche de segredos tirados do fundo do baú que Cecília acaba descobrindo a si mesma, e, aos poucos, coloca em xeque o que é, afinal, ser uma mulher normal.



Cecilia está no que podemos chamar de "a crise dos trinta". Ela é tudo aquilo que nunca se imaginou. Depois de viver alguns relacionamentos complicados, ela está solteira, mora com os pais e acredita piamente que não é uma mulher normal (e, por isso, tantos problemas acontecem na vida dela). Decidida em tentar resolver a situação, Cecilia decide investigar um pouco a história da sua família para ver se seus antepassados passaram por situações semelhantes. 

O livro é super rápido de se ler e despretensioso. A escrita da autora é fácil e faz com que você mergulhe no mundo de Cecilia. Para quem busca aquela leitura de uma tarde, Eu Só Queria Ser Uma Mulher Normal é o livro perfeito. 

Como o titulo sugere, é um chick lit que fala sobre o autoconhecimento. Muita gente faz planos e se imagina de uma forma para os 30 anos. Mas o que fazer se nem tudo acontecer como você gostaria? Cecilia vai se descobrindo ao longo do livro e crescendo como personagem.



Infelizmente o livro é bem curtinho, por isso, falar muito é um perigo para contar demais sobre a história. Achei que a autora poderia desenvolver melhor a busca de Cecilia pelo passado de sua família. Algumas páginas a mais deixariam o livro mais redondinho e não ficaria cansativo. Mas isso não significa que a história é ruim. 

Eu Só Queria Ser Uma Mulher Normal tem ares de comédia romântica, com bons personagens que vão conquistar muita gente.

Recomendo a leitura para quem quer se divertir e intercalar uma leitura mais leve entre livros densos. Foi o que eu fiz =)





20 comentários:

  1. Oi Kel!
    Adorei a resenha =)
    De fato podia ser maior, concordo.
    Mas como a busca pela história da família não era o foco, acabei abreviando.
    Capricho mais no próximo, prometo ;)
    um beijo

    ResponderExcluir
  2. Já gostei logo de cara porque nunca li um livro em que a protagonista tivesse meu nome. kkkkkk E adoro chick-lit, porque são perfeitos para aqueles momentos em que não quero nada muito tenso para ler. Foi pra lista.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Gosto de chicklit, dicas de livros assim curtinhos como esse são bons para distrair né, uma leitura mais leve às vezes faz bem
    Tudo que Motiva

    ResponderExcluir
  4. Oi! ^^
    Adoro leituras leves! Já me identifiquei com a personagem. Já passei dos 30, moro com meus pais, estou solteira... a única diferença é que não tenho esse desejo de ser "normal" que ela tem.
    "- Louca, louquinha ! Mas vou te contar um segredo: as melhores pessoas são." - Chapeleiro Maluco

    Obrigada pela dica!
    Beijussss;
    https://facebook.com/BlogMenteHipercriativa
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Sou muito fã de chick lit.. Parece ser um livro bem gosotsinho de ler..
    Minha ressalva eh a capa.. Acho q ficou um pouco infantil demais, não sei..
    Um pouco fresca, eu sei.. Mas para vender acho que podia ter uma capa melhor e mais apropriada!

    ResponderExcluir
  6. A primeira coisa que me faz comprar um livro é a capa. E essa capa definitivamente não me deixa com vontade de ler e/ou comprar esse livro.
    Com a sua resenha, então...não senti nenhuma ligação especial com essa obra. E como já disse em outro comentário, só estou lendo livros que eu REALMENTE necessito ler. Então...esse vai ficar de fora da minha listinha do skoob.

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia o livro e achei interessante. Adoro o estilo e cada vez mais estou me acostumando a intercalar os estilos literarios, assim fico com a mente mais relaxada. Amei a dica!!!
    Parabéns pela leitura e pela breve opinião!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  8. Quem sabe a Cecilia se desse muito bem com o Zayn da One Direction que só quer ser um cara normal de 22 anos huehuehuehue
    Adorei a dica, Kel. Tenho lido poucos chick-lits e sinto muita falta! Além disso, o tempo pra ler anda escasso, então tenho optado por livros mais curtinhos, e esse parece ser ótimo.
    O seu lápis de trevo, que coisa mais amor *--------*

    ResponderExcluir
  9. Eu tb nao conhecia esse livro, mas achei interessante. Leio pouco chick lit, mas acho q esse seria uma ótima saída pra falta de tempo q venho tendo... Gostei da personagem e acho q vou adotar essa leitura. Boa dica!!

    ResponderExcluir
  10. Oiee

    Apesar do livro ser rápido de ler eu não costumo gostar de chick lit então bate sempre aquela dúvida ler ou não ler rsrs mas anotarei a dica quem sabe serve!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Kel.
    Resenha ótima *.*
    Não conhecia o livro, gosto muito de chick list, mas ele infelizmente não conseguiu me chamar a atenção :/ Quem sabe lá pra frente isso não muda?

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal


    ResponderExcluir
  12. A autora é brasileira, né? Eu quero começar a ler mais livros brasileitos e Eu Só Queria Ser Uma Mulher Normal me parece uma ótima dica :)

    ResponderExcluir
  13. Oi Kel! Td bem? Amei a capa! Super engraçada :) kkkkk Adoro histórias rápidas para aquele dia em que você precisa descarregar um pouquinho e se divertir e principalmente se forem chick lits. Essas protagonistas sempre estão em enrascadas e é muito divertido vê-las passar por cima! Bjs
    folheandominhavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi Kel!! Adoro chick-lit, livros leves, divertidos e rápidos! Acredito que seja esse o caso!! Ótima dica para intercalar entre os livros mais tensos!! Eu, que estou chegando nos 30, preciso ler!!
    Beijos

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Livro curtinho e gostoso de ler, é tudo que senti ao ler sua resenha Kel! Ideal para aqueles momentos que estamos com aquela ressaca hahaha, Mesmo sendo um chick lit, gênero que não tenho muita paciência, já anotei a dica e assim que possível devo procurar o livro. Adorei!


    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    o livro "Eu Só Queria Ser Uma Mulher Normal" me pareceu uma leitura bem leve e engraçada gosto de leituras rápidas pra passar um tempo e o livro me parece perfeito !

    ResponderExcluir
  17. Ai nan, gosto de livros no estilo, mas confesso que esse me pareceu bem chatinho. Daqueles que a gente lê quando não tem nada melhor. Pelo menos essa foi a minha impressão, por isso. Passo.

    ResponderExcluir
  18. Opaaaa, gostei bastante!!
    Amoooo chick-lits, e esses bem divertidos e dinâmicos são o máximo!! Porque tenho horas que to cansada e até triste mesmo, e preciso só de uma leitura leve, sem mtas complicações (já não chegam as minhas???) kkkkk
    Vou marcar aqui, com certeza irei ler esse!!
    bjãoo

    ResponderExcluir
  19. Adoro chick-lits, só aí já me ganha. Apesar de você não poder falar muito para não soltar spoiler, A tua resenha me deixou interessada em conhecer a história do livro, Raquel. E a Cecília deve passar por situações engraças nesse caminho de descoberta. Com certeza acrescentado na minha lista!!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!
Mas antes de comentar, lembre-se de que esse post foi feito
com muito carinho, então, se vai comentar
"oi, fiz postagem nova, me visita" ou fazer um comentário
apenas de divulgação, este não será aceito.
Obrigada pela compreensão!
Já está seguindo o blog no Google Friends? Então não perca tempo!