# Papo Literário // Livro Modinha

E ai, pessoal, tudo bem?

Prontos para mais um Papo Literário? Hoje nós vamos falar de modinhas. Modinhas? Que coisa mais modinha falar desse tema!!! Com certeza vocês já ouviram a frase "Só está lendo esse livro porque virou modinha". "Agora todo mundo lê o autor X, só porque virou modinha".

O que são livros modinhas?
Quem é o deus que define se o livro é modinha ou não?
De onde surgiram estes livros?
Livro best seller é, necessariamente, um livro modinha?
Eu também sou modinha?
Me deixem ser modinha, por favooooorrr.



Bom, vamos lá. Pelo consenso geral, um livro modinha é aquele que está na boca do povo e todos estão lendo em um mesmo momento. Não precisa, necessariamente ser um livro. Pode ser um autor também. Rick Riordan, por exemplo. John Green...

A verdade é que ser taxado de livro aka autor modinha se tornou algo pejorativo que muitas pessoas pensam até duas vezes antes de ler. Os pseudo cults podem dizer: "ah, não vou ler esse livro. Ele é MO-DI-NHA". "Vai ler um livro clássico, ao invés de ficar só lendo livro modinha".


Bom, fala sério, né, gente? Primeiramente vou mandar a real porque vocês sabem que aqui impera a #RaquelSincera. Gostaria muito de conhecer a pessoa que fez esse desserviço criando a subcategoria "modinha". Com certeza era alguém que não tinha mais o que fazer, não tinha nem uma roupa para lavar. Acredito que cada um lê o que quer. Mas, a grande vantagem destes livros "modinha", é, justamente, o fato de estarem em evidencia e, com isso, conseguem atrair novos públicos. E, quem lê um livro que gosta, acaba buscando outras leituras agradáveis.

Por exemplo: Você lê Jogos Vorazes e gosta. Você, claro, vai buscar livros do mesmo gênero, da mesma autora, ou ainda, vai buscar o que a inspirou para escrever a saga. Você vai chegar a 1984, vai chegar a Admirável Mundo Novo. Você vai ler um Crepúsculo da Vida e vai chegar à Morro dos Ventos Uivantes. E isso é ser inferior? 

Quem nunca começou a ler com Harry Potter? Senhor dos Anéis? Crônicas de Nárnia? Estes foram livros lidos por milhões de pessoas, best sellers em vários países. E só por isso são "modinha"? Quem lê esses livros não são leitores de verdade? Por favor, né, minha gente? Vamos todos ler livros poucos falados? Vamos ler estes livros TAMBÉM. É óbvio que existem vários livros por ai que são incrivelmente bons que ninguém ouviu falar. Mas é só questão de tempo até descobrirem, se tornarem populares e serem taxados de "modinha" também? Percebem como é um saco essa ideia de "livros pop"? 

Ah, claro, e tem mais: livro modinha é sinônimo de livro bom? Eu vou, obrigatoriamente gostar do livro só porque ele é "modinha"? Bom, depende. Cada um tem um gosto diferente. Tem aqueles que adoram, tem aqueles que não gostaram e tem aqueles que nem leram o livro e dizem que não gostaram só porque o livro é modinha. Já cansei de receber comentário aqui de pessoas falando que não tem interesse em ler Harry Potter porque acham chato. Nem leram mas acham chato.

Minha reação
\/



Então, por quê as pessoas insistem em taxar um livro como "modinha"? Vamos cair na real, galera. Aceitem que, modinha ou não, livro é livro. E se tem gente se interessando, lendo, comprando, tem gente melhorando a escrita, tem gente adquirindo conhecimento, tem gente aprimorando o senso critico. Ou seja, tem gente fazendo algo muito mais interessante que vocês que adoram criticar os outros e se acham superiores.

Beijos #RaquelSincera


51 comentários:

  1. Na verdade os clássicos também não são de certa forma modinha? Se todos leem e falam bem/mal, não deixa de estar na boca do povo. Acho essa história de modinha uma ignorância sem tamanho.
    Concordo, não é só porque é modinha que é bom, o livro pode ser até meia boca, mas se não ler não vai saber e vai ficar se baseando na ideia dos outros, o que faz do leitor antimodinha um babaca ;)

    Tudo que Motiva

    ResponderExcluir
  2. ótimo post Kel! odeio ver gente chamando livro de modinha. isso é totalmente sem noção. se o livro se torna modinha é porque muita gente está lendo, gostando e indicando para outras pessoas, que consequentemente também estão gostando e indicando para outras pessoas.
    e olha, vou mandar a real, se um livro está virando modinha, nós blogueiros também temos fazemos com que isso aconteça, já que é a gente que está indicando livros para outras pessoas :P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. se ler é modinha, quero viver nessa modinha pra sempre =P

      Excluir
  3. Nem fico apreensiva com a "modinha" mas sim com o facto de, assim do nada, haver um grande boom sobre as coisas. Por vezes vejo tantas reviews meias a "boiar" sobre o assunto que eu fico a pensar se de facto a pessoa leu o livro ou se era só para não se sentir excluida da sociedade.
    Confesso que tenho um certo perconceito com coisas que todos gostam, assim de repente. Como The Fault In Our Stars ou Game Of Thrones.. Por isso, regra geral, deixo sempre o fogo passar para poder disfrutar das obras :)

    mas, concordo plenamente na parte boa dos livros "modinha"... de facto atinge vários publicos e quem sabe alguém que nem gosta de ler ou nem lê muito se interessa e toma gosto? :) é sempre a parte boa da coisa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, sim. Muita gente acaba querendo ler esses livros só porque todo mundo fala e nem sempre curte. Vai com muita expectativa.

      Excluir
  4. E, pegando no assunto, agradeço muito a Crepúsculo por me ter mostrado O Monte dos Vendavais que se tornou num dos meus favoritos. :))

    ResponderExcluir
  5. Raquel, tu mitou com esse texto!
    Realmente tem muitos livros taxados de "Modinha" por aí.
    Eu por exemplo sempre amei ler, mas só li "O Morro dos Ventor Uivantes" DEPOIS de ter livro Crepúsculo!
    Leio o que ta na moda, e o que não ta na moda também, e isso não vai fazer de mim menos leitora que ninguém, não é mesmo?

    Beijos.

    http://julianamoreire.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. huahuahuahua obrigada, Ju. Também sou como você. Eu LEIO. Sendo modinha ou não sendo modinha. Leio o que eu quero e me dá prazer.

      Excluir
  6. Acho ridículo e hipócrita essas pessoas, não é importante o qual livro se leia, o importante é ler e guardar pelo menos alguma lição que o livro nos ensinou, pra mim é gente que quer dar moral e dizer que é "mais" que alguém se achando o "intelectualóide", deve se ler o que se acha interessante e o que se gosta de ler, e não dar bola pra comentários de pessoas assim. Claro que tem gente que compra os livros apenas para fazer um "selfie", sem ao menos ler, mas isso é o de menos. O povo acha que já nasceram com uma biblioteca e sabendo de todas as histórias, e quer dar opinião na vida dos outros.
    Bom essa é minha opinião sobre isso, é gente sem ter o que fazer e criticas os gostos literários do outro.
    Beijos Kel, ThaynáQ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou tudo, Thayna!! O importante é ler. Não importa o que seja.

      Excluir
  7. Kel,
    Me dá um abraço? HAHAHAHAHA
    Acho muito chato quem julga os livros/autores porque no momento eles estão na boca do povo. Sou daquelas que adora espalhar coisas boas e claro, que necessariamente, um livro que eu goste você vai gostar. Um livro que está ai, bem cotado e comentado, vá me agradar, mas não é por isso que vou deixar de tentar.
    Concordo plenamente com você que a pessoa pode começar com um livro """"modinha"""" como Jogos Vorazes (eu só li depois que o filme tinha saído, veja bem) e se encantar tanto pelo mundo literário para nunca mais sair.
    É inevitável e incrível. Acho baboseira colocar rótulos em autores e obras dessa forma, mas não posso deixar de pensar que em casos como esses (de motivar a leitura), esses rótulos sejam positivos.
    Enfim, né. hehehe. Adorei o post!!!
    Beijos,
    Ká Andrade
    http://teens-books.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu dou um abraço huahuahuahua. Acho que é modinha falar que tudo é modinha e essa gente é um bando de mala sem alça huahuahuahua

      Excluir
  8. Olá!

    Adorei seu blog, eu comecei um também a menos de um mês , o http://paradoxe-se.blogspot.com.br/ , quem quiser dar uma olhada e deixar sua opinião, ficarei muito grata.

    Beijos <3

    ResponderExcluir
  9. Oi Raquel, tudo bem?
    Gostei de mais do seu post e concordo com tudo. Esse comentário de livro modinha acho completamente sem propósito. O importante mesmo é que quanto mais a leitura se torna algo rotineiro melhor, afinal, que começa a tomar gosto não para nunca mais.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    Você é o que lê

    ResponderExcluir
  10. Penso um pouco como você. Acho que não tem muita importância se o livro é clássico, moderno ou só estão lendo porque todo mundo comenta. O importante é ler. Uma leitura puxa outra e nosso vocabulário e gostos literários vão se enriquecendo.
    Beijos

    http://vidasempretoebranco.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Concordo com você em tudo, mas mesmo assim, ainda tenho meu lado atacante de falar o que quer e ouvir o que não quero, então vamos lá. Pra mim a única coisa que faz de um livro, pelo menos na minha cabeça, ser modinha, é o fato de a pessoa ter lido faz sei lá 5 anos, só ter lido esse livro na vida inteira, não ler nem rótulo de bolacha e sair por aí falando "ACEDE foi o melhor livro da minha vida", só porque seja lá que só por um momento ou não, o livro esta em uma maior evidência, pra mim tanto faz se esta ou não, agora, se a pessoa leu outros livros, nem que sejam sei lá, dois, e dentre eles, é o melhor que ela já leu, por mim tudo bem, mas o que me irrita é isso, a pessoa nunca ter lido outro livro na vida, ou as vezes, sequer ter lido o considerado modinha, e sair por aí toda orgulhosa falando que é o melhor que já leu, minha reação é "Ahh me poupe kiridinhaaaa u.u" falo isso, porque tenho pessoas até na minha familia que são exatamente assim

    LIVROS E TAL

    Beijos,
    Mayara

    ResponderExcluir
  12. Sabe Kel, eu nem dou bola pra quem vem falar que tal coisa é modinha, independente se o assunto é livro, ou filme, ou qq outra coisa. Acho que qq tipo de preconceito é ignorância pura, então o melhor a fazer é não dar ibope! :)

    http://maisumapaginalivros.blogspot.com.br/
    Mais Uma Página

    ResponderExcluir
  13. Eu penso que o cinema tem contribuído bastante para iniciar novos leitores, e daí vem a referência de "modinha". Até digo as vezes que ler se tornou uma "modinha", mas não estou falando no sentido ruim da palavra, mas no fato excelente de que leitores novos estão aparecendo, e que não me importo nem um pouco se eles vem porque viram um filme e curtiram, ou se simplesmente assistiram uma entrevista do Green no jornal.
    Que usem o termo, contanto que usem como uma coisa boa, e não ruim.
    Leio clássicos porque um dia comecei a ler os populares. Ninguém começa na literatura lendo Crime e Castigo. Então que venham com "modinhas" mesmo, mas venham!
    Adorei a postagem!

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Kel, tudo bom?
    Nossa, esse post foi feito para mim. ODEIO o termo modinha porque usam ele de uma forma totalmente pejorativa. Acho que livros ou autores que viram sucesso acabam incentivando a leitura de pessoas que não tem hábito de ler. Eu vi várias mulheres lendo 50 tons no ônibus e tenho certeza que elas não tem esse costume. A leitura é válida, ainda mais no nosso país onde as pessoas ainda leem pouco.
    Beijos!!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Nossa, amei o post!! É a mais pura verdade. Eu cheguei a conhecer pessoas que leram diversos livros antes deles se tornarem "modinha" e adoraram, mas quando o livro bombou e virou filme, criticou quem leu após ver o filme.
    Livro bom é livro bom, e deve ser lido por milhões de pessoas mesmo! rsrsrsrsrs
    Amo muito o blog! Parabéns!

    Thuanny
    www.querfalardelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi Kel, tudo bem? Primeiro, você sambou na cara da sociedade com esse post.. rsrs. Adoro os seus post de "Papo Literário", e como não podia deixar de ser, adorei esse. Nossa, não sei quem foi o infeliz que inventou esse termo, mas sério, devia ser alguém muito frustado e que não tinha nada para fazer. Muita gente começa a ler por causa de livros "modinhas", e bom, livro é livro, não importa se é lido por uma pessoa ou por milhões... e bom cada um tem seu gosto, então o que pode ser bom para mim, não pode ser para você. Sério, julgar alguém porque ela lê um livro que todo mundo lê não faz dessa pessoa alguém melhor. Nossa, tem alguns grupos que eu participo e as pessoas vem falar dos livros "modinhas" sério, é até rídiculo.

    Enfim, adorei o post!!

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  17. Kel minha Diva, vc mandou mega bem nesse post. Concordo e o importante é começar a ler seja que tipo de livro for, aos poucos a pessoa vai se autoconhecendo e descobrindo que tipo de leitura mais gosta. Antes eu lia muito autoajuda, me ajudava a refletir sobre vários assuntos, lia Paulo Coelho que também me fez refletir sobre vários assuntos místicos e religiosos. Hoje leio outros estilos, acredito que para um bom leitor todos os estilos tem seu tempo e espaço, basta saber reconhecer o que você está precisando em determinado momento. É isso, beijos e torcendo para as pessoas deixarem o preconceito de lado e embarcarem de coração aberto no mundo da leitura!!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  18. Oi mo, ótimo post!
    Eu realmente concordo com tudo que você disse. Ficar rotulando um livro como modinha é uma forma de inferiorizar a obra, sendo que o fato dele estar em evidência já mostra uma certa qualidade!
    Acho muito chato quando estamos animados com um livro, e alguém começa a falar que ele é modinha!

    ResponderExcluir
  19. Eu ainceramente odeio ver gente chamando tal livro de modinha.. Mas adoro ver que alguns livros ficaram tao populares que as pessoas acabam tendo seu primeiro comtato com a leotura com esses livros.
    Por ex.: alguém assistiu jogos vorazes e adorou, viu que tem o livro e de repente ta lendo sempre.. Isso é ótimo!
    As pessoas deviam ser menos preconceituosas principal,emte leitores.
    Forever a Bookaholic
    Curta a página do blog

    ResponderExcluir
  20. Kel lindona realmente a pessoa que criou esse tema não tem o que fazer , livros bons serão sempre lidos , se você vai gostar é outra coisa, cada um tem um gosto. A Culpa é das estrelas virou modinha é tão bom que virou Filme ahhh me poupe néh rss. Adorei a postagem. beijos


    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  21. Ei Kel, adorei, adorei!
    Quem é leitor de verdade, quem gosta de ler, simplesmente lê! Lê livros desconhecidos, clássicos, bobinhos, best-seller, e tudo que aparece na reta e seja do seu gosto literário.
    Também tenho preguiça dessa categoria "modinha" e fico irritada quando alguém vem me criticar por estar lendo um livro desse. Eu leio o que eu quero, e os outros que cuidem da sua vida.
    E os livros modinha tem um efeito super positivo, que não devia ser ignorado. Quantas pessoas que 'odiavam' e tinham preguiça de ler, não são hoje grandes leitores depois de conhecer um Crepúsculo, ACEDE ou qualquer outro "modinha" da vida?
    Eu vi isso acontecer mais de uma vez. Alguém que acabou adquirindo mais hábito de leitura, depois de começar a ler os best-sellers do momento. E isso é ótimo.
    E o que irrita ainda mais, é o que você disse, que muitas pessoas criticam sem nem ter lido!
    Eu critico 50 Tons, por exemplo, mas eu li os 3, e sei do que estou falando. Assim como eu admito que gostei de Crepúsculo, e não ligo para quem fala que é lixo.
    Eu tenho preguiça é desse autointitulados Cults, que não perdem tempo com esse tipo de leitura, porque eles nem sabem do que estão falando.
    (uhhh, que desabafo, kkkk)
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Oi, Raquel!
    Concordo com você que é muito irritante esse termo/esse pensamento/esse julgamento. Fico inclusive triste pelo indivíduo quando ele diz "eu queria ler, mas todos vão pensar que só estou lendo porque está na moda". A pessoa acaba se poupando de algo que lhe interessa, por medo do que os outros vão pensar.
    Eu só não acho indispensável que essas leituras "modinha" levem à leitura de clássicos. Sim, elas podem. Mas talvez não levem, e tá tudo bem também! Se a pessoa quiser ler apenas best sellers, tá ótimo, tem que ler o que quiser.
    Você tem razão, quem fica julgando as leituras alheias deveria arrumar mais o que fazer.
    www.blogsemserifa.com

    ResponderExcluir
  23. Olá

    Exatamente: Livro é livro e cada um tem o direito de escolher o que quer ler. Não importa se aquela determinada pessoa só leia livros que estão em evidência, o problema é dela e ela lê o que quer. Essa mania do povo de se preocupar mais com o ... do outro me estressa a cada dia e não é só em literatura e sim em várias aspectos sociais. Não é porque um livro é modinha que ele não é bom e também não é porque um livro é modinha que ele é bom. Tem muita gente chata também que vira e mexe aparece em algum grupo "me indiquem livros bons que não sejam modinha". É muita chatice e intolerância em um mundo só.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  24. Oiiii

    Concordo inteiramente com você! Acho ridículo essas pessoas que dizem que não leem tal livro porque é "modinha", que tal pessoa só foi ler tal livro porque é "modinha" Ah, por favor! Livro é livro, e por mais que a leitura seja "fútil" sempre vai agregar alguma coisa a pessoa que está lendo, e é isso que conta.
    Parabéns pelo post, amei!

    Beijinhos
    http://www.sacudindoaspalavras.com.br/

    ResponderExcluir
  25. #polemizando . vamos lá.
    Eu classifico alguns livros como modinha sim, mas nunca pensei nele de uma forma ruim. É só uma forma rápida de dizer que todos estão lendo e adorando. Eu costumo evitar ler livros quando estão no auge assim - normalmente só me rendo quando eles já estão na boca do cinema - por acreditar que meu julgamento em cima do livro pode não ser o mais sincero. Claro que com isso demorei séculos para ler muitos livros que amo como Crepúsculo, Jogos Vorazes - inclusive só li depois de assistir ao filme - e Divergente. Me sinto meio que levada pela emoção alheia, meio obrigada a gostar daquela história.. porque se você quis que não gosta o povo se invoca, só falta te matar! Pior do que essa guerra que estamos enfrentando em Candidato A e Candidato B.
    Enfim. Minha humilde opinião rs.

    ResponderExcluir
  26. Eu tbm quero ser modinha, eu posso, eu posso? rsrs

    Kel, adorei a postagem, amei sua sinceridade e concordei com tudo o que você disse.
    Leitor, que é leitor não fica tachando um livro de modinha ou não! Lê de "tudo"!
    E sobre HP, bem concordo plenamente! É louco só de mencionar que não leem porque acham chato, HP é vida rsrs <3

    Parabéns pela postagem! Amei! Você arrasa u.u
    beijinhos!

    ResponderExcluir
  27. Oi kel, tudo bem???
    Para tudo!!!!!!
    Harry Potter chato???? Minha série favorita de todos os tempos, ninguém, até hoje, de todos os livros que já li, conseguiu superar!!!!!
    Tudo bem, foi só um desabafo de uma super, mega fã do bruxinho. Cada um gosta de um estilo diferente.
    Eu analiso os livros pelo conteúdo, pela história, não me preocupo se é moda ou não, se todos gostam ou não. Até na hora de resenhas mais críticas, eu verifico os argumentos. Porque o que a pessoa não gostou, pode ser exatamente o que irei gostar, pelo meu estilo de leitura.
    Por exemplo, A Culpa é das estrelas, até hoje nunca li, ninguém me convenceu a ler, confesso que cheguei perto várias vezes. Mas não porque fosse moda, e sim por causa da história. Acho que ficaria arrasada, e não quero sofrer.
    Gosto muito dessa sua coluna, tem tudo a ver com você!!!!!!
    Abrir um espaço para discussões saudáveis estimula a mente.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. #TomaDistraida

    Amei a #RaquelSincera!!!

    Realmente não é porque todos leem determinado livro que irei gostar, eu realmente li 50 tons de cinza porque estava em evidência e confesso que não curti a leitura, mas as vezes os livros são tão falados que acho que devemos ler e depois ter uma opinião formada sobre ele, agora falar que não irá ler porque todo mundo lê é muito feio. Poxa, temos que dar a oportunidade a todos. Como você disse isso foi um desserviço aos leitores inventar esse termo de modinha. '-'

    Visite: http://paradisebooksbr.blogspot.com.br/

    Até mais.

    ResponderExcluir
  29. Oi Kel, Tudo bem?? Você vai me perdoar por ter sumido por aqui???

    Com tanta coisa virando "modinha" por ai, uma delas ser um livro ou um autor é excelente. Quando comecei a gostar de ler e a procurar canais e blogs literários por ai, percebi que muita gente tinha preconceito com livros que fazem sucesso e com livros YA... e achei isso totalmente ridículo, realmente não esperava.

    Ps - Me empresta o Vira Tempo que você usa para manter seu blog sempre atualizado?? To precisando.

    Beijos Kel.

    Theo / Mania de Leitor
    http://maniadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Oiii,

    Vejo primeiro os gifs, depois o texto HSUAHSUHASU. Essas pessoas que julgam tudo por modinha, me irrita profundamente. Vou confessar que ainda não li nada do John Green, não por ele ser considerado modinha, mas pelo simples fato que falaram TANTO de ACEDE que eu já sei tudo, não vou ler com a mesma vontade. Então estou esperando ainda...
    Concordo com você, sou modinha também, não tenho preconceito com livros (só auto ajuda) então leio de tudo um pouco, com o pessoal falando ou não, aaah não ser que me soltem um spoiler dai eu fico brava.

    Queria dar uma sugestão/saber sua opinião sobre um tema que eu não sei definir bem, é que tenho um amigo que cisma em dizer que certos tipos de livros (principalmente que contem hot) são errados e que ninguém deveria ler... Queria saber o que vc acha :)

    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  31. Oi Kel,
    Acho que esse negócio de "modinha" surgiu de algo ou alguém muito mau humorado. Eu tenho muita, muita raiva quando alguém fala "Nossa, esse livro que você ta lendo virou modinha né...", as pessoas meio que dão a entender que nós lemos só pelo fato de ser modinha.
    Eu leio o livro que eu quero, independente de ser "modinha" ou não. Se eu gosto, torna-se preferido e não estou nem aí para o recalque alheio, haha.
    Ah, eu nunca li HP, mas sei que um dia farei isso.

    Beijão
    Tão doce e tão amarga.



    ResponderExcluir
  32. Oi Kel,
    Acho que esse negócio de "modinha" surgiu de algo ou alguém muito mau humorado. Eu tenho muita, muita raiva quando alguém fala "Nossa, esse livro que você ta lendo virou modinha né...", as pessoas meio que dão a entender que nós lemos só pelo fato de ser modinha.
    Eu leio o livro que eu quero, independente de ser "modinha" ou não. Se eu gosto, torna-se preferido e não estou nem aí para o recalque alheio, haha.
    Ah, eu nunca li HP, mas sei que um dia farei isso.

    Beijão
    Tão doce e tão amarga.

    ResponderExcluir
  33. o importante é o pessoal ler, e esse lance de ficar flaando q tudo e modinha me irrita.
    claro q só pq a pessoa nao tem o mesmo gosto q a gente e gosta de ler coisas q são aparentemente fúteis, não quer dizer q iss diminui ela sabe.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  34. Super concordo, Kel. Taxar um livro ou autor como modinha é visto como algo preconceituoso, já que muitos pensam mil vezes em ler um livro porque está na "boca do povo". Enfim, acho que isso é um estereótipo que precisa ser mudado.

    ResponderExcluir
  35. Também acho que quem inventou esse negócio de modinha prestou um desserviço e tanto para o mundo. Não sei porque as pessoas insistem em se meter nas escolhas de livros dos outros, concordo que o legal é que as pessoas estão lendo, e que um livro bom leva a outro. E isso é o que importa.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  36. Oi Kel... disse tudo minha linda... pra mim livros modinhas como falam é sinal de algo positivo porque estão em evidência e alcançado um número avançado de leitores... foi por causa desses livros modinhas que li A culpa é das estrelas e fiquei frustrada e li Os instrumentos mortais e amei..... então assim como você disse esse povo que não tem o que fazer e quer criticar algo que nem leu deveria tomar vergonha na cara e ler alguma coisa não só pra achar o que fazer com seu tempo livre, mas como garantir conhecimento... os livros tem vários assuntos em que você pode se espelhar, tem cultura de diversos países, tem uma projeção de como seria o nosso futuro e tudo mais.... eu amo HP.... e nem ligo para esse termo Modinha quando sugere algo ruim... e sim que pode me trazer beneficio com a leitura... Xero!!

    ResponderExcluir
  37. Modinha ou não modinha sou muito ciumenta com Minhas musicas e livros, não gosto quando outras pessoas leem ou ouvem aquilo que eu amoo. Só que se pensarmos que quanto mais pessoas lendo, melhor o mundo será temos que adorar isso de lerem de tudo. E se o autor ou livro caiu nas graças de um povo, ele é de muuuuita sorte, então pode, e deve usufruir disso!

    ResponderExcluir
  38. Kel!!! Adoro essa sua coluna, adoro os gifs =P
    Essa categorização de modinha me da um treco. Sério, alguem me diz o por que de existir isso? O intuito não é o livro encontrar cada vez um público maior e quando ele consegue, ele simplesmente deixa de ser bom? A vá!

    ResponderExcluir
  39. Oi xará,
    Adoro esses seus papos literários...rsrs. Sabe que vejo muito preconceito com isso também e sou totalmente contra porque acredito que ler é sempre fundamental seja o que for...shakespeare ou gibis da turma da Monica...rsrs
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  40. ADORO a #RaquelSincera haha!
    Não tem porquê, alguém deixar de ler algum livro só por ele ter virado "modinha". As vezes é um livro ótimo, as vezes é um livro horrível, você tem que lê-lo antes de tirar conclusões precipitadas e julga-los.
    Leio modinha sim, como também leio aqueles que a maioria não conhece. O importante é ler aquilo que te agrade, sendo "modinha" ou não!
    Beijos
    Construindo Estante || Facebook Tem promoção de Halloween lá no blog. Não fique fora dessa!

    ResponderExcluir
  41. Ahhh eu acho ridículo isso de livro modinha e de pessoas julgarem uma outra pessoas com isso. As vezes são este livros modinhas que estimulam a leitura, e principalmente entre os jovens! Não foi meu caso mas já vi gente aprender a apreciar a leitura depois de ler um livro taxado modinha!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  42. Sabe o que eu acho... essa pessoa que inventou isso tem uma inveja danada de quem gosta e pode comprar livros, porque somente uma criatura tão mal informada julgar alguém que está lendo um livro modinha! Affs Vai se tratar e ler um pouco!
    Bjkas

    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  43. Adorei o post, tudo agora vira modinha. Da até raiva --'
    Eu não deixo de ler nada, só porque dizem ser modinha, livro é pra ser lido mesmo, e se tem muita gente lendo é sinal que ele é pelo menos bom.. Quando eu ganhei A Culpa é das Estrelas, não pensei duas vezes pra ler. E nem por isso escondi que tinha lido, coisas que muita gente faz '-'. As pessoas tem vergonha de dizer que leram, só pra não serem zoadas por pessoas que nunca nem pegaram no livro. Isso é ridículo.

    ResponderExcluir
  44. Oii
    Bem, #KelSincera, você sambou! Concordo com tudo o que você disse, mas tem coisas que me enchem o saco! Ver umas meninas do meu colégio lendo A culpa é das estrelas, porque entrou em grande evidência, e pegar frase e postar no Facebook, junto com uma foto só de sutiã: “Alguns infinitos são maiores que outros”. EU QUERO EXLODIR! Odeio quem parte com preconceito com HP, sem nem mesmo ter lido, uma vez um colega disse que era idiota, bobo, e pra gente igualmente idiota e boba. Nem preciso que quis tacar uma panela na cabeça dele! Eu quero que as pessoas LEIAM, independente do que, mas também quero que elas respeitem essa arte. Ótimo post!
    Beijos

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!
Mas antes de comentar, lembre-se de que esse post foi feito
com muito carinho, então, se vai comentar
"oi, fiz postagem nova, me visita" ou fazer um comentário
apenas de divulgação, este não será aceito.
Obrigada pela compreensão!
Já está seguindo o blog no Google Friends? Então não perca tempo!