# Resenha 136 // Carta de Amor aos Mortos

Oiee, gente, tudo bem?

Espero que sim. Já aconteceu de pegarem um livro para ler certos de que iriam adorar a história, mas na hora da "verdade" o livro acabou te decepcionando? Pois é, foi o que aconteceu com Carta de Amor aos Mortos. Vamos lá então justificar os meus sentimentos com esta leitura =P

Título: Carta de Amor Aos Mortos
Autor: Ava Dellaira
Editora: Seguinte
Páginas: 344
Livro cedido em parceria com a editora



Sinopse: Tudo começa com uma tarefa para a escola: escrever uma carta para alguém que já morreu. Logo o caderno de Laurel está repleto de mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Judy Garland, Elizabeth Bishop...apesar de jamais entregá-las à professora. Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendas os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sobre sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky. Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceirar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era - encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um - é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.

Carta de Amor aos Mortos conta, em formato de cartas a ídolos já falecidos, a história de Laurel. Sua irmã morreu, sua mãe decidiu ir morar em outro estado como uma forma de fugir dos problemas e ela mora, ora com o pai, ora com a tia. Depois da morte da irmã, May, Laurel muda de colégio buscando recomeçar. No inicio ela tem dificuldades para se adaptar, não tem amigos. Mas aos poucos começa a fazer amizades, principalmente com Hanna e Natalie.

Cheguei a conclusão que Carta de Amor Aos Mortos é um livro no maior estilo "ame-o ou deixe-o". Muitas pessoas adoraram o livro, o que me motivou a solicitá-lo. Mas, infelizmente a leitura não funcionou comigo e acabei bem tentada a deixar o livro de lado. Já li muitos outros livros escritos em formatos de carta e, sinceramente, não entendi o que a autora pretendeu com esse livro. As cartas não iam direto ao ponto. Pensei em abandonar a leitura diversas vezes, mas fui lendo aos poucos até conseguir finalizar.

Na verdade, continuei lendo o livro, principalmente para sanar a minha curiosidade em saber como a irmã de Laurel tinha morrido, mas o meu "tesão" pela leitura não era o mesmo. A autora enrola muito na história e achei a narrativa cansativa. Não consegui enxergar o link entre os "mortos" escolhidos pela Laurel para "receberem" suas cartas. Muitos ficaram sem sentido. Sem contar que a personagem começa as cartas contando um pouco da história daquela personalidade. Eu só conseguia pensar "Pelo amor de Deus, esse livro é sobre o cantor/ator/escritor ou sobre você, menina?". Acredito que o livro teria funcionado muito melhor se as cartas fossem endereçadas ao leitor ou a ninguém em específico.



E já que o papo é a Laurel... tive  problemas com ela também. Entendo que a personagem sentia a perda da irmã e que elas eram muito próximas, mas Laurel insiste em querer ser como May: veste as mesmas roupas, quer ter a mesma postura. Vi a personagem como alguém totalmente imatura que quer fazer qualquer coisa para sair da sombra da irmã e, finalmente, aparecer.

A leitura para mim foi arrastada e, como falei, tive muita dificuldade em concluir o livro. Sei que é chato dizer isso e, acreditem, me sinto um ponto fora da curva em ver que tanta gente gostou de Carta de Amor, mas garanto, não consegui sentir essa proximidade com a leitura que muitos blogueiros sentiram. Já li outros livros em formato de cartas e posso dizer que Carta de Amor aos Mortos não chegou nem perto.



Apesar disto, o livro trás temas interessantes como aqueles dramas adolescentes, aceitação e superação. Se a protagonista não me cativou, não posso falar o mesmo dos personagens secundários. Hannah e Natalie são ótimas e mostram a beleza da diversidade de amar.





59 comentários:

  1. Kel parabéns pela leitura e pela resenha bem argumentada.
    Entendo o que vc sentiu, hoje finalizei uma leitura que já vinha se arrastando a meses, nossa foi uma sensação de alívio que nem acreditei (falo mais na minha resenha amanhã). Voltando ao livro que vc resenhou, desde que li a primeira resenha não me chamou atenção o enredo e agora sabendo que a narrativa é arrastada, nem arrisco.
    Apesar de tudo a capa é tão bonita!!! Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  2. Cara, eu quase comprei esse livro na semana passada! Eu achei a capa lindíssima, adorei a sinopse. Ainda bem que li sua resenha antes! Agora, antes de comprar esse livro, vou ler um pouquinho dele antes na livraria pra saber se gosto ou não. Hahaha

    Um beijo, Kel!
    www.literasutra.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mona, dá uma olhada no skoob. Esse livro tem várias opiniões boas e outras, como a minha, nem tanto.

      Excluir
  3. Oi Kel!
    To lendo este livro, até então to gostando sim, mas de fato a leitura está arrastada, mas no geral eu gosto da parte que ela fala um pouco da vida de quem ela escreve até pq tudo é novidade p mim, as vezes me pego pesquisando da vida deles tb, escutando as músicas citadas, e estou na curiosidade p saber o q aconteceu com a irmã dela tb, acho que é o que mais me motiva a terminar!
    E essa capa é linda né?
    Que pena que não gostou!!
    Bjoooss!!

    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa do livro é linda mesmo. Mas eu não consegui curtir a leitura.

      Excluir
  4. Oi Kel.
    A capa desse livro me conquistou e so tinha visto resenhas positivas,
    Mas ainda tenho medo de inciar a leitura pois ouvi falar varias vezes q quem gosta de as vantagens de ser invisível iria gostar desse... E eu odiei o livro, então fico com pé atrás mesmo.
    Pretendo ler, mas não e prioridade nao...
    Forever a Bookaholic
    Curta a página do blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que são dois livros bem diferentes, Camylla. ;)

      Excluir
  5. Oi, Kel, é decepcionante quando isso ocorre, especialmente quando o livro recebe tantos elogios dos demais... E quando criamos altas expectativas. O livro permanece na minha lista de desejados, mas não o solicitei para a editora na época por ter escolhido outro mais o meu estilo. Compreendi todos os argumentos que você citou e é assim mesmo, infelizmente nem todos os livros ou filmes valorizados pelo público e / ou crítica nos satisfaz, o importante é que você o leu até o final para poder explicar e o fez com excelentes pontos observados. Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Realmente, Kel, é ame ou odeie. Muita gente elogia, mas mesmo assim eu não consigo super querer o livro, mais porque não curto muitos os mortos, tipo o Kurt e a Amy.
    É muito ruim quando a nossa expectativa não é suprida ou, pior, a leitura fica bem aquém do que esperávamos. Que pena que não flui pra você.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. huahuahua adorei o "não curto os mortos"=P Fico triste quando um livro tinha tudo para eu gostar, mas acaba não rolando. Uma pena

      Excluir
  7. Olá.
    Você foi a primeira pessoa que eu vi falando mal desse livro. Eu sempre procuro não criar expectativas com leitura, pois é muito relativo, mas confesso que eu estava colocando esse na minha lista. Talvez em breve; apesar de querer ler a sinopse não me agradou taaanto. Acho que fiquei mais encantada com a capa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, talvez eu tenha criado muitas expectativas =S

      Excluir
  8. Oi Kel,
    É realmente muito triste quando a gente se decepciona com um livro que muuuuita gente gostou, no mínimo, é frustrante. Espero ler esse livro um dia e tirar minhas conclusões, pois há muitos comentários dissemelhantes a respeito dele.

    Beijão - Tão doce e tão amarga.


    ResponderExcluir
  9. Eu queria tanto ler esse livro, porque simplesmente amei a capa dele, mas essa é a segunda resenha não tão positiva que leio dele, o que só me desanima a comprar o livro :/

    Beijinhos

    http://escrevendomundos.com/

    ResponderExcluir
  10. Se não estava interessada, agora mesmo que não vou ler rs
    Meio cansada de livros com "drama adolescente"
    beijinhos
    www.ensaiodemonomania.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Eu ainda não o li, mas espero gostar. Até agora li muito mais resenhas positivas e negativas e vi pontos de vistas bem diferentes sobre o livro. O que eu acho muito bom, pois me prepara para vários tipos de sentimentos que posso ter sobre o livro.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Muito boa a resenha mo.
    É uma pena que você não gostou muito do livro. É ruim mesmo quando temos uma expectativa sobre algo e não sai da forma como pensamos!

    ResponderExcluir
  13. Oi, Kel!!

    Fiz um comentário no post de "resenha x resumo", mas não sei se foi. Enfim.. depois de escrever esse vou copiar pra mandar de novo caso não vá. kkkkkkkk..

    Eu não tinha ouvido falar mesmo do livro, da história dele, só tinha visto a capa pela internet. E o título é interessante e a premissa realmente é boa. Mas sei como é isso, de quando a gente não consegue se identificar e tem um monte de gente que gosta, mas você não "embarcou" na história... hummm... é chato mesmo. Sabe aquele livro que a Pri estava lendo? Li ele e senti a mesma coisa. Talvez eu estivesse sem clima.. quem sabe? Mas a decepção foi parecida.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Talvez não foi o meu momento do livro. Talvez eu releia depois para ver se consigo gostar ;) Obrigada pela dica

      Excluir
  14. Oiiii Keeeeel!
    nossa quero muito ler esse livro.
    nao sei porque, livros com essa divergencia de opiniões me atraem MUITO mais do que livros que TODOS elogiam. sabe?!
    fiquei tao curiosa para ver se vou amar e achar uma lição de vida, como muitos acharam, ou vou ter os mesmo sentimentos de "faltou alguma coisa" que você, como maturidade ou coerencia com a proposta!
    adorei a resenha, parabéns pela sinceridade!

    Um beeijo Lara.
    Blog Meus Mundos no Mundo | | Página Coração Furta-Cor

    ResponderExcluir
  15. Oi Kel, tudo bom?
    Como você sabe eu gostei do livro, mas não deixei de citar que achei a Laurel um porre. Acho que ela tentava demais agradar a irmã, mesmo após a sua morte. A narrativa em cartas não chegou a me incomodar, mas a autora realmente foi abordar a razão da morte bem no finalzinho do livro. Relaxa, nem sempre gostamos de todos os livros que as pessoas amam. Eu poderia citar muito bem o Ps. Eu te Amo que eu simplesmente odiei.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, a Laurel é mesmo beeeem chatinha. E quando a gente não consegue gostar da protagonista/narradora, realmente a leitura fica complicada =(

      Excluir
  16. Ola Kel que pena que o livro não atendeu suas expectativas, eu estou com ele em meu Kobo na enorme lista de leitura, essa parte da irmã usar tudo da outra que morreu é meio estranho, me interessei pela sinopse por ela escrever cartas para Janis Joplin adoro vou ler para saber o que os motivos da escolha desses artistas . beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o problema da Laurel é exatamente esse. Querer ser igual a irmã =(

      Excluir
  17. Oi Kel,
    eu também li esse livro porque via muita gente falando bem, mas não gostei nem um pouco. Enquanto todos os personagens estão amadurecendo, a protagonista continua na mesma, infantil e chatinha.
    Adorei sua resenha, beijo,
    entreeleitores.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Olá

    Que pena que o livro não te convenceu, eu ainda tenho certa curiosidade com ele, mas você me mostrou algumas coisas que parecem que não valerão a pena. Não sabia que ela conta bastante da história dos artistas a quem endereça a carta. Ao mesmo tempo que eu acho isso útil no contexto, acho bem cansativo. No mais, um dia eu ainda lerei este livro e verei se vou curtir. Espero que a leitura não se arraste pra mim.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  19. Oi!
    Ainda não li o livro, mas estou bastante curiosa por causa da quantidades de críticas positivas, a sua é a primeira que me mostrou um lado diferente do livro.
    Diminui minhas expectativas, o que é bom, assim se eu não curtir tanto não irei me decepcionar.
    Beijos
    Construindo Estante || Facebook

    ResponderExcluir
  20. Oiii
    Estou louca para ler,vi várias resenhas positivas, e a sua é a primeira negativa que vejo, pena que não gostou :/ Espero que eu goste do livro!
    Beijos
    http://www.sacudindoaspalavras.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi Kel tudo bem, sabe aprendi lendo em resenhas que o a leitura para cada leitor tem um efeito diferente, uns agradam e outros nem tanto, assim como aconteceu com a leitura de Carta de amor aos mortos, li e ouvi muitas pessoas falarem bem do livro, a sua foi a primeira, isso não quer dizer que seja ruim, mas eu vejo como uma formula que não deu certo, eu ainda tenho interesse em ler o livro, já aconteceu muito comigo de curtir uma leitura e outros não! Vamos ver se a formula irá funcionar comigo! Bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  22. Sério?? Eu estou mega ansiosa por essa leitura, justamente por ter lido várias resenhas elogiando o livro. Só estou na espera de uma promoção para não pagar tão caro. Porém, acabei ficando com um pé atrás agora ... ¬¬'

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Kel, que banho de água fria agora!
    Eu estou no inicio dessa leitura e até agora estou gostando.. Você ressaltou algo que eu já havia percebido, algumas personalidades escolhidas não tem nada a ver com a carta do momento. Mas ao contrario de você estou gostando da breve explicação de cada um.. se não eu ia ter que ficar com o google do lado rsrs
    Expectativa não cumprida é horrível! Espero que isso não aconteça comigo.

    Beijiinhos ;*
    Andressa - Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  24. Bem... eu já havia visto resenhas desse livro anteriormente e não havia me interessado por ele... ate as resenhas positivas contribuíram para meu interesse ficar menor... não curtir a sinopse... nem a historia pelo pouco que percebi das ressenhas... e não entendi oq esses mortos tem a ver com tudo isso.... mesmo antes de ver alguém comentando em alguma resenha sobre não ver ligação alguma entre o morto que a carta era endereçada e o que a menina estava falando, já imaginava que seria assim mesmo... com certeza não lerei...

    ResponderExcluir
  25. Vi esse livro no Skoob e não dei muita bola, depois, os blogs do qual eu acompanho, todos falando super bem do livro, então eu pensei se não estava sendo meio precipitada, agora que eu leio sua critica, acabei ficando na duvida se leio ou não :/

    tipoassimdani.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Olá Kel!
    O livro já não tinha me chamado a atenção. Só pelo título eu não gostei. Agora lendo a sua resenha aí que desisti de ler o livro. Tenho pouco tempo e preciso selecionar bem as minhas leituras. Pelo que li esse livro é perda de tempo. Pena que a escritora não soube levar o livro até o fim. Gostei da sua sinceridade.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Concordo completamente quando você diz que a Laurel que ser um cópia idêntica da May ! Odiei isso. Ela queria se livrar da sombra da irmã, mas não fazia nada para que isso acontecesse. Mas, ao contrário de você, eu gostei do livro. Achei legal, só não foi perfeito. Não é um livro que eu queria reler, mas não me arrependo de ter lido.
    Sua resenha ficou muito boa, entendo sua opinião,
    Beijos,
    Ana,
    www.nasuaestanteblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  28. Puxa, Kel, que pena que o livro te decepcionou!! Eu simplesmente amei tudo nele, fui fisgada de um jeito que não conseguia parar de ler. Achei que havia um objetivo em não ir direto ao ponto, a Laurel ainda não conseguia lidar com tudo, e as cartas acabaram ajudando. E também achei que o fato das cartas serem direcionadas para ídolos da irmã dela foi o que fez tudo fazer mais sentido. Fora que não vi ela usar as coisas da May como vontade de ser como ela, e sim como um misto de saudade e de não querer incomodar ninguém com uma coisa idiota como roupas para vestir depois da morte da irmã. Mas é assim mesmo, cada um tem uma visão de uma leitura, não dá pra todo mundo gostar das mesmas coisas.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  29. Olá Kel,
    menina isso já aconteceu e muito comigo. Em ler um livro muito bem falado, mas no final das contas ele não suprir a nossa expectativa. Mas acho que isso devesse ao ponto de nova própria expectativa e ansiedade, e isso acaba que detonando a nosso leitura. Por isso hoje eu peço livro, ou leio, depois de um tempo, quando minha ansiedade não esta alta.
    Mas sobre o livro, eu li muitas resenhas falando somente bem, e muito bem por sinal. E a sua é a primeira que vejo que tem pontos negativos.
    Antes eu já não tinha tanta vontade, mas agora com você falando que não sabia exatamente para quem era as cartas, e que isso gerou uma certa confusão. Acabo que acatando que não vou ler, mesmo. hahahaha
    Flor parabéns pela resenha, eu amei sua sinceridade sobre a leitura.

    Beijokas Ana Zuky

    ResponderExcluir
  30. ei Kel,
    realmente esse parece ser um livro Ame ou Deixe-o. Eu também tenho a impressão de que iria gostar, pelo tema e por envolver personalidades da música e cinema que eu curto, mas talvez me decepcione como você. Uma coisa é fato, eu sei que não vou gostar da protagonista, kkkkk

    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Ahhhh Kelzinha não judia deuuuu! hahha eu gostei do livro sabe, não foi algo maravilhoso pois eu cometi o erro de compara-lo com outro, mas consegui captar a mensagem, no fim acabou sendo uma leitura válida para mim!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  32. Oiee

    Eu amei esse livro e torcia para a Laurel tomar coragem e escrever finalmente uma carta para sua irmã, e os artistas que ela escreveu tem tudo haver com a história todos sofriam de algo e acabaram morrendo pelo mesmo motivo.

    Enfim cada um tem um momento para ler e também um gosto mas uma pena você não ter gostado.

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  33. Opiniões bem diferenciadas sobre esse livro, uns amam outros odeiam, agora tô na dúvida, já que ele tá na minha listinha de desejados.
    http://aposasreticencias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  34. Agora tu me deixou com um pé atrás com esse livro. Já comprei ele e está aqui aguardando pra ser lido. Tu deu 2 estrelas pra ele. :OOOO
    Realmente vi muitas pessoas falando bem dele, mas irei ler depois e tirar minhas conclusões.

    Até.

    ResponderExcluir
  35. Me interessei por esse livro mais pela citação de cantores famosos e tal, e a Leeh aqui da Caverna veio surtando falando como o livro era bom, apesar de retratar de temas bem polêmicos, mas não sei se eu gostaria tanto como a maioria das pessoas também

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova de "Primeiro Amor" no blog, vem conferir!

    ResponderExcluir
  36. Kel,
    Que triste que não gostou da leitura.
    Não sei se eu gostaria também, tenho um sério problema com historias contadas dessa forma, então saber desse pequeno detalhe, já me desanimou...

    Abraços
    Vivi

    ResponderExcluir
  37. Oii
    É, é a resenha mais negativa que leio! Mas ainda sim, ainda quero ler! Kkk Sempre gostei de cartas, e também gosto muito dos artistas escolhidos para serem mencionados na obra. Gosto também dos problemas que envolvem a protagonista. Vou ler e vamos ver o que vou achar!
    Beijos

    ResponderExcluir
  38. Realmente não me interessou, parece ser bem escrito mas eu não gostei da premissa, muito esquisito e não me faz ter vontade de ler com toda essa vibe negativa não, infelizmente!

    ResponderExcluir
  39. Gostei da sua resenha, eu estava com bastante vontade de ler esse livro, ainda quero. Apesar de ter lido sua resenha bem sincera. rs Pelo que descreveu da protagonista, eu também não iria gostar muito dela.. Mas vai que o livro me cative né? vou ler em breve. :)

    ResponderExcluir
  40. Oi Kel, se tem um livro que eu queria muito ler é esse e ainda quero, vi várias resenhas sobre ele e li o primeiro capítulo e posso dizer que inda vou ler para tirar minhas conclusões. Beijos

    ResponderExcluir
  41. Poxa, Kel, confesso que fiquei triste com isso, eu esperava mais do livro e esperava que você fosse gostar de um modo intenso. Bom, eu ainda desejo ler, mas por curiosidade agora, não vou com muita sede ao pote não, como eu estava desejando antes.
    Vou com cuidado.

    ResponderExcluir
  42. Ess elivro n me parece mto bom, pq achei estranho isso de escrever carta para os mortos! Mas achei a capa mto bonita! Que pena que vc se decepcionou, então não vou ler mesmo!

    ResponderExcluir
  43. Quero mto ler esse livro, a história parece legal e inovadora e a capa é bem legal. Pena que se decepcionou no fim das contas!

    ResponderExcluir
  44. Kel, vi várias resenhas elogiando esse livro, quero lê-lo, mas com sua resenha fiquei um pouco com o pé atrás, pois gosto muito de livros em formato de carta, eu pensei que as cartas que ela escrevesse para determinados mortos tinham ligação umas com outros, mas mesmo assim vou dar uma chance para ele de repente gosto da leitura dele.
    Beijos,
    @ninh@
    Blog Detalhe Feminino
    http://detalhefeminino.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  45. Esta é a minha atual leitura e estou no mesmo ritmo que você: só querendo saber porque a May morreu como morreu... Outro ponto negativo, mas isso é bem pessoal, é que não curto a maioria dos mortos para quem ela resolveu escrever as cartas, então, acho que ela perdeu tempo... enfim. Espero que a morte da May faça valer a pena, porque confesso que está bem chatinho.

    ResponderExcluir
  46. Oi gente, eu particularmente amei este livro, foi uma leitura super mega rapida, pois gostei de mais da tematica. O livro me cativou de tal forma, que não conseguia parar de ler, e como a autora da blog falou, só foi um pouco assi, sei lá, o fato da Laurel querer ser o tempo todo como a irmã, mas mesmo assim amei o livro, tanto é que fiz uma resenha dele, por favor acompanhem e deixem seus comentários https://geekiebooks.wordpress.com/2015/02/22/resenha-carta-de-amor-aos-mortos-ava-dellaira/

    ResponderExcluir
  47. Eii, pessoa,
    Sério que você não gostou de Cartas de Amor aos Mortos?! Partiu meu coração :(
    Enfim, falando sério agora, esse livro é um dos meus favoritos. Acho que a autora fez com que os remetentes fossem famosos que já morreram porque a Laurel já os conhecia e esperava que eles fizessem companhia a irmã.
    Sobre o comportamento imaturo da Laurel, também fiquei com um pouco de raiva, quer dizer, até lembrar que ela só tem 14 aninhos. Dá um decontinho pra ela, hé...

    Bjs, Juh.

    naosepreocupecomisso.blogspot.com

    ResponderExcluir
  48. Tenho na estante, mas ainda nao li :(
    Mas depois dessa resenha, ja vou adianta-lo na lista de proximas leituras.
    beijos

    http://apenasumaamanteliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!
Mas antes de comentar, lembre-se de que esse post foi feito
com muito carinho, então, se vai comentar
"oi, fiz postagem nova, me visita" ou fazer um comentário
apenas de divulgação, este não será aceito.
Obrigada pela compreensão!
Já está seguindo o blog no Google Friends? Então não perca tempo!