# Resenha 02 // O Pequeno Príncipe


Bom, nesses primeiros dias a postagem (assim espero), vai ser bem frequente por aqui porque vou colocando as resenhas dos livros que li no inicio do ano. Até pelo blog ser novo, quero deixar ele bem recheadinho para quem visita! A resenha de hoje então vai ser sobre um livro que, creio eu, toda a criança/jovem/adulto já leu: em algum momento da vida: O Pequeno Príncipe!

Título: O Pequeno Príncipe // Le Petit Prince
Editora: Agir
Autor: Antoine Saint-exupéry
Páginas: 95





Sinopse: O Pequeno Príncipe é uma fábula. Ou se preferirmos, uma parábola. Não é um livro para crianças, porque traz justamente a mensagem da infância, a mensagem da criança. Essa criança que irromperá de repente no deserto do teu coração, a milhas e milhas de qualquer região habitada. A menos que não queira ver, a face do Pequeno Principe, a face de um outro, coroada com os espinhos da rosa.... Este livro é também um teste. É o verdadeiro desenho numero 1.



                                     

Bom, o livro conta a história de um piloto de avião que cai no deserto e encontra o Pequeno Príncipe, um rapaizinho que não gosta de ficar sem resposta para aquilo que questiona e que, antes de chegar a Terra, passou por outros tantos planetas. O Pequeno Príncipe mora em um asteróide distante onde ele vivia sozinho com uma flor e três vulcões. Em busca de amigos, ele resolve viajar por outros lugares.

A primeira vez que li esse livro foi quando eu era pequena. Minha mãe me deu como se fosse um incentivo a leitura, apesar de na época não ter me incentivado muito. O livro é considerado essencial para crianças, mas acho que ele deve ser lido sempre porque nele existem alguns valores que muitas vezes esquecemos. Mas uma coisa é certa, para lê-lo, precisamos “deixar de sermos adultos”.

O livro é cheio de desenhos, aquarelas do próprio autor, desenhos simples mas que te dão aquela “personificação quase que literal” do que está sendo contado. O livro é tão pequenininho que dá pra ser lido em duas horas. Mas dessa segunda vez que li, preferi ler aos poucos, mastigando mesmo e assimilando cada frase tão profunda que o nosso Pequeno Príncipe fala de modo tão simples.

Entre as principais lições do livro claro que estão a famosa citação “só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos” ou “tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas”. Mas com o livro também podemos aprender a não pensarmos somente em nós mesmos como o Rei que se colocava acima de todos. Ou que, às vezes, é necessário cortarmos alguns boabás de nossas vidas.

Para quem lê o livro, o Pequeno Príncipe pode ser apenas fruto de uma ilusão daquele piloto que estava no deserto. Mas sem dúvida o principezinho também é a personificação de uma criança que está ali para nos lembrar de sempre sermos uma, de sempre olharmos para o mundo com o olhar de uma criança porque essa é a forma mais doce de vermos aquilo que está na nossa frente. Como O Pequeno Príncipe mesmo diz "os adultos são estranhos". E quem vai dizer que não somos?






4 comentários:

  1. Em meu caso, foi uma amiga que leu e disse-me que gostou muito de O pequeno príncipe. Perdi a oportunidade de ler um livro com ensinamentos tão agradáveis por julgar a capa... Quando eu encontrar com esse livro novamente, com certeza vou ler!

    ResponderExcluir
  2. Eu já li há muito tempo, dei vários de presente e tenho um novinho em casa. Amo ete livro. Adorei o blog e as resenhas. Estou te seguindo.
    Bjs
    Nathal
    http://mromances.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Tenho que reler o livro para poder ler "O retorno do jovem príncipe"! Aí depois te empresto! rsrs
    Beijão
    p.s: estou adorando o blog

    ResponderExcluir
  4. Amoooo esse livro!!
    Minha madrinha me deu também para incentivar a leitura e falou que era um livro que conforme eu fosse amadurecendo iria interpretar de um jeito. E até hoje é um livro que marca.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!
Mas antes de comentar, lembre-se de que esse post foi feito
com muito carinho, então, se vai comentar
"oi, fiz postagem nova, me visita" ou fazer um comentário
apenas de divulgação, este não será aceito.
Obrigada pela compreensão!
Já está seguindo o blog no Google Friends? Então não perca tempo!